01/07/2020 às 12:04 – Por Andros Silva

1__mg_8260-16245048
Foto: Yacy Ribeiro/JC Imagem

A perícia realizada pelo Instituto de Criminalística de Pernambuco (IC) constatou que Sarí Corte Real, ex-patroa da mãe do pequeno Miguel Otávio, de 5 anos, que morreu após cair de uma altura de 35 metros, no dia 2 de junho, apertou o botão do elevador para cobertura. A defesa de Sarí disse que ela não teria apertado a tecla para que o menino subisse e sim “simulado”.