05/04/2020 às 02:40 – Por Micheline Américo para o Blog do Andros

images
Imagem/Reprodução

Após formalização do convite, o ex-procurador Geral de Pernambuco, Paulo Bartolomeu filiou-se sábado (4) ao Partido dos Trabalhadores de Jaboatão dos Guararapes, sendo o pré-candidato mais cotado para disputar à prefeitura da cidade. Jaboatonense e militante de esquerda, já assumiu cargos importantes na esfera estadual, bem como concorreu ao cargo de prefeito no município pelo PRB, no ano 2012, quando o partido era da base do PT. A cidade ganha relevância nas Eleição 2020 por ser o segundo maior colégio eleitoral do estado de Pernambuco, ficando atrás apenas da capital Recife.

Para a direção local do PT, o novo filiado é um nome forte para o pleito eleitoral. “É um grande quadro para o nosso partido, pois temos as melhores referências como homem respeitoso, de perfil firme e conciliador e com bom trânsito nos diversos grupos políticos. Seu ingresso amplia o horizonte político e qualifica o debate em nossa cidade. Por todos esses requisitos, configura-se como um nome forte para ser nosso candidato à prefeitura”, avalia a presidenta do PT de Jaboatão dos Guararapes, Maria Auxiliadora de Souza.

O novo petista se sente desafiado pelo peso da sigla que vai estampar. “Sou um filho da terra e socialista e por isso guardo toda identidade com a cidade e com o PT, além de ser um grande admirador de Lula. Por isso, para mim é uma honra ingressar nas fileiras do partido. Vou me empenhar para dar minha contribuição para transformar a vida do povo de Jaboatão, que hoje tanto sofre com as consequências da ausência do poder público na promoção das políticas públicas indispensáveis para se viver com dignidade”, destaca Paulo Varejão.

Sua filiação foi bem avaliada por lideranças do PT estadual, entre eles, o deputado federal, Carlos Veras. “Um quadro como Paulo Varejão engrandece nosso partido diante da luta em defesa dos direitos da classe trabalhadora ora tão atacados, cuja Eleição 2020 é estratégica para retomada de um projeto democrática e popular que tanto fez Pernambuco e o Brasil avançarem”, afirma.