Shows gratuitos de artistas cristãos marcam início de 2020 em Jaboatão

São esperadas 50 mil pessoas para o Dia de Ação de Graças

31/12/19 às 09:34 – Da Folha de Pernambuco 

Aline-Barros

Aline Barros/Divulgação 

As cantoras gospel Aline Barros e Gabriela Rocha e o padre Damião Silva são atrações confirmadas da terceira edição do Dia de Ação de Graças, na próxima quarta-feira (1º), primeiro dia de 2020. O evento acontecerá no Centro Cultural Miguel Arraes, no bairro de Prazeres, em Jaboatão dos Guararapes, Região Metropolitana do Recife. Gratuitas, as apresentações serão entre 17h e 23h30. A organização espera receber cerca de 50 mil pessoas.

Dirigido ao público cristão, o Dia de Ação de Graças faz parte do calendário oficial do município. “É importante iniciar um novo ano agradecendo às bênçãos e com união de todos para que mais graças sejam alcançadas. Para abrilhantar ainda mais esse dia, estamos preparando um belo evento, com atrações de nível nacional, mas também valorizando nossos artistas. Será um momento de confraternização com fé e muita paz”, afirmou o prefeito Anderson Ferreira, ao destacar a programação da celebração.

Com uma estrutura especialmente montada para o evento, os fiéis terão a segurança reforçada por 30 policiais militares, 35 guardas municipais, 50 seguranças particulares e 10 bombeiros. O fluxo de veículos também será controlado na região com o trabalho de 10 agentes de trânsito. Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) estará à disposição para casos de emergências médicas.

É hoje: Confira os horários de cada atracão no Réveillon do Jaboatão

31/12/19 às 09:07 – Por Andros Silva 

zezedicamargoeluciano

Zezé di Camargo e Luciano/Divulgação

Confira os horários que cada atração subirá ao palco na noite de hoje durante a festa de Réveillon do Jaboatão, que terá shows de artistas como Geraldinho Lins e a dupla sertaneja, responsável pela contagem regressiva, Zezé di Camargo e Luciano.

Programação 

19h A Barca Maluka
21h Geraldinho Lins
23h Zezé di Camargo e Luciano
01h30 Amigos Sertanejos
03h30 Luará e Telmo Santiago

Feliz Aniversário

31/12/19 às 08:46 – Por Andros Silva 

E foi num dia como hoje, que minha mãe veio ao mundo. Neste 31, agradeço a Deus por mais um ano de vida ofertado a mulher que me criou, educou e cuidou para que o pouco não faltasse. Que esta noite seja repleta de glórias, alegrias e abraços fraternos, não só para comemorar a chegada do novo ano, mas sim por ter sua presença em nossas vidas. Que em 2020, tenhas mais e mais saúde, paz e prosperidades. Feliz Aniversário e vida longa madre!

aze

Azenete Ribeiro, mãe de Andros Silva. Foto: Arquivo pessoal

Câncer de pele também pode ser tratado com radioterapia

No encerramento do Dezembro Laranja, mês de conscientização sobre a doença, radiações ionizantes são opção de tratamento

31/12/19 às 08:27 – Por Pedro Paulo para o Blog do Andros 

Pele

Divulgação

O verão chegou e com ele os alertas sobre os cuidados com a saúde em relação ao sol precisam ser reforçados, principalmente na pele. Até o fim de 2019, mais de 171 mil pessoas serão diagnosticadas com câncer no maior órgão do corpo humano, segundo o Instituto Nacional do Câncer (Inca). O número diz respeito a dois tipos de câncer: o câncer de pele não melanoma e o câncer de pele melanoma, somados. A radioterapia pode ser uma opção para tratamento para ambos os casos.

Ela utiliza radiações ionizantes para inibir o crescimento ou destruir as células anormais que formam o tumor. “A radioterapia alivia os sintomas causados pela disseminação da doença, principalmente para o cérebro ou ossos. A chamada radioterapia paliativa reduz alguns sintomas da doença”, explicou o radio-oncologista da Oncoclínicas Radioterapia, Felipe Coelho.

Estética

Não apenas no combate ao câncer de pele a radioterapia pode ser importante. Ela também serve para tratamentos estéticos no maior órgão do corpo humano. Cicatrizes hipertróficas e queloides gerados por cirurgias de mama, hérnias ou cesárias, por exemplo, ou como consequência do uso de argolas, piercing e/ou brincos são diagnósticos frequentes nos dias de hoje e que podem ter a radioterapia como parte integrante importante do seu tratamento.

“O tratamento de radioterapia para profilaxia do desenvolvimento de queloides requer o uso de um tipo específico de radiação que fique restrito à parte superficial da pele, seja através de acelerador linear ou braquiterapia. O procedimento radioterápico deverá ser iniciado nas primeiras 24-48 horas após a ressecção cirúrgica do queloide. Essa estratégica está associada a taxas de recidiva inferiores a 5%, enquanto que a retirada do queloide sem uso de nenhum tratamento adjuvante adicional está ligada a taxas de recidiva superiores 60-70%”, acrescentou o radio-oncologista Diego Rezende.