Espaço Pasárgada recebe lançamento de livros de cordel

“O Mapa da Rima” e “O Cordel de Escrita Feminina em Pernambuco”, das pesquisadoras Eulina Fraca e Shirley Rodrigues, resgatam a história de cordelistas e documenta a presença feminina no gênero literário

03/09/19 às 17:16 – Da assessoria para o Blog do Andros 

fo

Eulina Fraga e Shirley Rodrigues. Foto: Divulgação

Patrimônio Imaterial Cultural Brasileiro, o cordel agora ganha memória pelas mãos das pesquisadoras e escritoras Eulina Fraga e Shirley Rodrigues. Elas assinam os livros “O Mapa da Rima” e “O Cordel de Escrita Feminina em Pernambuco”, que serão lançados na próxima sexta-feira (06/09), às 19h, no Espaço Pasárgada, no Centro do Recife.

A linguagem poética popular, que tem a rima como uma de suas principais características, sempre esteve presente na vida das autoras, que se conheceram durante a graduação em 2005, quando decidiram desenvolver projetos com a temática. “Nesse tempo de atividade, percebemos a ausência de memória em nossa literatura que retratasse a trajetória do cordel, seus escritores pioneiros e também a presença feminina nesse universo”, conta Shirley.

Assim, nasceram as duas obras, que são editadas pela Coqueiros, única editora que trabalha com esse gênero literário e têm arte desenvolvida pelo cordelista Leandro de Barros. As narrativas, que trazem alguns versos e mesclam harmonicamente conteúdo e poesia, já foram apresentadas na Europa e integram o acervo de bibliotecas de Portugal, Espanha e França.

Durante um ano e oito meses, elas realizaram pesquisas quantitativas e qualitativas, imersões em acervos e aproximações e conversas com cordelistas em Pernambuco, no Rio de Janeiro, Ceará e Rio Grande do Norte que permitiram costurar as informações e criar um arranjo das narrativas. “É um trabalho pioneiro e necessário porque documenta quem somos e reconhece os principais nomes que deram origem a essa expressão”, comenta Eulina.

Em 84 páginas, “O Mapa da Rima” (R$ 20) resgata a história e as obras dos poetas pernambucanos que escrevem, ou seja, de bancada, como Silvino Piruá, criador do romance, e João Matias de Ataíde, um dos maiores tipógrafos brasileiros. No entanto, o mapeamento se volta, em especial, a Leandro Gomes de Barros. Foi ele quem identificou o potencial mercadológico do cordel e deu início à produção da arte impressa no formato já familiar da cultura nordestina.

A soberania masculina encontrada ainda no cordelismo é o mote do livro “O Cordel de Escrita Feminina em Pernambuco” (R$15), concebido a partir da inquietação das escritoras ao perceber a ausência das mulheres em encontros culturais. Na obra, de 40 páginas, elas descortinam a autoria dos cordéis de Maria das Neves Batista. Primeira cordelista brasileira, ela utilizava o nome de seu esposo – Altino Alagoano – para assinar suas criações. Sua primeira produção foi “Violino do diabo e o valor da honestidade”. Ao todo, são aproximadamente 13 mulheres que ganham o reconhecimento por suas obras e têm suas vidas apresentadas aos leitores.

Escolas – Além da produção de livros, Eulina e Shirley desenvolvem projetos na área educacional com o objetivo de expandir o conhecimento sobre o cordel. A ideia é estimular e fortalecer um ecossistema que envolve editoras, centros acadêmicos e escolas. Por isso, elas estão em desenvolvimento do projeto “Cordel: novos tempos, novos leitores”. O objetivo é trabalhar a poesia e o cordel em forma de oficinas, buscando ser um atrativo cultural e motivador da leitura, como também difundir a cultura popular do cordel, em duas escolas no Recife e em uma na cidade sertaneja de Custódia.

Serviço – Lançamento dos livros “O Mapa da Rima” e “O Cordel de Escrita Feminina”

Data: sexta-feira (06/09)

Horário: 19h30

Local: Espaço Pasárgada (Rua da União, 263. Boa Vista)

Entrada: gratuita

Na dança dos ratos

03/09/19 às 14:49 – Por Sidha Moitinho / Colunista Blog do Andros

rato-olhos-20120527-original1

Créditos: MPI for Biological Cybernetics/Kerr

O tema abordado, infelizmente, não é o resultado da inspiração de uma boa notícia, no entanto pode trazer uma boa informação para deixar nossos leitores, prevenidos e atentos a fim de evitar a possibilidade de uma eventual  fatalidade advinda da praga dos ratos. Atitudes prudentes podem neutralizar um mal maior e salvar vidas. Recebi uma notícia que me deixou triste! Um jovem da comunidade Santa Felicidade, Candeias, após limpar sua caixa de som, onde encontrou um rato morto, foi infectado por uma das doenças transmitidas pelo rato.

Lembro-me de que alguns anos atrás, outro rapaz na mesma vizinhança fora contaminado pela leptospirose, mas graça a Deus o Senhor o livrou da morte, como assim creio que a este o Senhor Deus, também livrará em nome do Maravilhoso Jesus. Neneu, como é conhecido se encontra na UTI. Queridas e queridos leitores, não ignorem ou minimizem a ameaça das moléstias causadas pelos ratos, eles são transmissores de cerca de 30 doenças. O rato é um inimigo, ainda que aparentemente seja um bichinho de corpinho delicado e carinha mimosa. Infelizmente este roedor tem em seu organismo um arsenal de morte contra qualquer um que o subestime se expondo a ele, sem as precauções necessárias.

Tenha cuidado ao fazer limpeza em locais que tenham ratos vivos ou mortos, eles são perigosos de qualquer jeito. Para fazer limpeza onde tenha ratos ou remover os mortos, use luvas ou uma proteção com sacolas plásticas, máscara ou pano em volta do rosto, mantenha os pés calçados. Existe no mercado algumas formas para acabar com os ratos, como ratoeiras tradicionais, desratização, criar gatos, entre outros… Em minha opinião as gatas (fêmeas) são as melhores matadoras de rato do mundo. Faça sua opção!

Vamos aproveitar a oportunidade para pedir ao nosso prefeito, o senhor Anderson Ferreira, para que tome medidas de combate a infestação de ratos em nosso município, com a devida urgência que merecemos ter a nossa saúde protegida pelo município. O prefeito pode alegar que não prometeu matar ratos, como não prometeu calçar ruas, abri creches, melhorar a segurança etc. Mas com certeza tem obrigação de cuidar da saúde, da infraestrutura, do saneamento, como todo o restante das obrigações que seu cargo de prefeito exige.

Em 2016 Pernambuco teve cerca de quase 500 casos de leptospirose com 14 mortes, em 2017, 464 casos, 13 pessoas foram a óbito. OMS (Organização Mundial de Saúde) diz que a média em uma cidade é,  4 a 6 ratos por habitantes. Os ratos podem transmitir cerca de 30 doenças. Entre as mais comuns estão a leptospirose, as hantaviroses e a peste. Vamos falar um pouquinho dessas doenças:

Febre da mordida de rato

Esta doença pode ser transmitida através de uma mordida, arranhão ou contato com um rato morto.

Salmonelas

Consumir alimentos ou água contaminados por bactérias de fezes de ratos pode causar a doença.

Leptospirose

Esta é uma doença bacteriana que pode ser transmitida ao entrar em contato com água infectada ou através de reservatórios contaminados.

Hantavírus

Doença viral transmitida por ratos, pode contaminar por inalação de poeira contaminada com urina ou excremento de rato, contato direto com fezes ou com a urina ou pela mordida de roedor.

Salmonelose

Consumir alimentos ou água contaminados por bactérias de fezes de ratos pode causar a doença.

https://rotauniprag.com.br/blog/doenca-causada-por-ratos-em-pernambuco/

https://kelldrin.com.br/roedores/ratos-doencas-transmitidas-e-cuidados/

siSidha Moitinho é uma baiana que cresceu em Brasília, apaixonada por Pernambuco, mora em Jaboatão dos Guararapes há mais de 18 anos, cidade que ama e pela qual luta. É comunicadora social, bacharel em teologia, pastora, cineasta, coordenadora literária e escritora. Sidha ama escrever para crianças, atualmente vem promovendo seu conto infantil ‘Paulinho e o Vento’.

Contato: sidha.moitinho@gmail.com

Vereador Joabe do Mercadinho é expulso do Partido Progressista

03/09/19 às 12:07 – Por Andros Silva 

joabe

Joabe do Mercadinho. Foto: Reprodução/Facebook

Na reunião dos Progressistas (PP) de Jaboatão, que aconteceu ontem (02), com o deputado federal e presidente estadual do partido, Eduardo da Fonte, ficou decido que o vereador Joabe do Mercadinho, que hoje atua na situação, base do prefeito Anderson Ferreira, seria expulso da sigla. O pedido de expulsão do vereador foi unânime.

Candidato a prefeito… O PP vai lançar candidatura majoritária à Prefeitura de Jaboatão, só resta saber quem será o nome escolhido, entre o ex-vereador de Jaboatão por oito mandatos, Neco, o deputado estadual Cleiton Collins, ou o deputado estadual Joel da Harpa.

Não foi o primeiro… Joabe não foi o primeiro vereador a ser expulso de seu partido por optar a caminhar lado a lado do atual prefeito. Messinho Souza, foi convidado a se retirar do PCdoB, após decidir sair da oposição e seguir o Ferreira.