Jaboatão  Dos Guararapes Quebra as Correntes Que Te Prendem

12/08/19 às 11:42 –  Por Sidha Moitinho / Colunista Blog do Andros

quebrando-correntes

Imagem/Reprodução da internet

Sou uma romântica sem concerto… Uma guerreira justiceira… O que me adiantaria viver só de realidade numa cidade tão sofrida como uma mulher mal amada… Abandonada…  Que entregou seus sonhos para um homem malvado que os esmaga até fazer buracos no chão? Sonhar é preciso, acreditar é necessário, lutar é nosso dever!  Eu tenho que olhar para luz da lua que ilumina os olhos meus, me fazendo enxergar o poder do Deus verdadeiro, imperativo sobre esta cidade, das muitas dores e, agudos gemidos sustentada apenas por Sua graça… Os que sonham com dias melhores olham para o alto e para frente… Vejo esta cidade como a mulher antes sem identidade, que se levanta das cinzas, e quebra suas correntes para tomar posse do que é seu…Vestida esplendidamente, guerreira valente… Derrota seus algozes… Bradando aos quatro ventos do município: “EU SOU LIVRE! EU SOU JABOATÃO DOS GUARARAPES! Deus me levanta para honrar aqueles que Comigo tem coração puro para libertar meu povo cativo. Eu sou a cidade nova e velha de Jaboatão dos Guararapes, não continuarei curvada… E ninguém poderá deter a força do meu povo valente.”

Consigo ver claramente, um povo bravo guerreiro se levantando para conquistar uma Nova Jaboatão dos Guararapes… A mulher que fora subjugada, de pé como rainha da mais alva luz, iluminando as ruas, os beco, as vielas, os matagais… O profundo dos seus mares, a área das suas praias, se unindo ao vento que leva a mensagem: A gente quer, a gente consegue!

Empresto-te minha voz, ó amada Jaboatão dos Guararapes, para que digas, que não  aguentas mais, os buracos que te humilham, a lama que te rebaixa, o lixo que te suja, os animais que machucam, a lagoa que matam, os esgotos a céu aberto que entram nas casas do teu povo, as ruas alagadas que te devastam, as invasões das vias públicas que tiram tua liberdade, a saúde doente, a segurança perdida, a educação analfabeta… Uma prefeitura que tapa o sol com a peneira… Uma Câmara de Vereadores, sem voz, sem visão, sem posição, sem fiscalização…

Que vençam os verdadeiros! Que reine o povo! Jaboatão nasceu pra ser grande… Precisamos fazer política e não politicagem… Precisamos de políticos que amem o povo antes de amar a si mesmos! Só assim as correntes da miséria serão quebradas na nossa cidade… Não podemos continuar vivendo como porcos!

siSidha Moitinho é uma baiana que cresceu em Brasília, apaixonada por Pernambuco, mora em Jaboatão dos Guararapes há mais de 18 anos, cidade que ama e pela qual luta. É comunicadora social, bacharel em teologia, pastora, cineasta, coordenadora literária e escritora. Sidha ama escrever para crianças, atualmente vem promovendo seu conto infantil ‘Paulinho e o Vento’.

Contato: sidha.moitinho@gmail.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s