Passageiros sofrem com a falta de metrô em Jaboatão

Previsão da CBTU para normalizar situação é na quinta-feira (18)

17/07/19 às 17:25 – Da Rádio Jornal 

0ff7a7d111_bc16071922

Metrô em Jaboatão está com falta de trens – Foto: Reprodução/TV Jornal

Passageiros que usam a Estação Jaboatão no Terminal Integrado de Jaboatão amanheceram nesta quarta-feira (17) preocupados com o horário de chegar ao trabalho porque, com a falta do metrô, eles estão precisando reforçar as viagens com ônibus.

Há reforço na linha Jaboatão/Parador, que é a linha que vai para o Recife Antigo. Os veículos passaram de 9 para 22 e também há uma linha a mais, a Jaboatão/Terminal Barro Esta linha está operando com cinco veículos para atender toda essa demanda de passageiros que têm na estação de Jaboatão.

Desde o início da manhã, houve muito corre-corre e tumulto, crianças tentando entrar no ônibus.  De acordo com o superintendente da CBTU, Leonardo Villar, a previsão é que a Linha Centro volte a normalizar na tarde de quinta (18), mas esse prazo ainda não está concretizado e pode ser que essa linha ainda não volte.

“Às vezes os vereadores querem se apossar das atribuições do Executivo”, diz José Carlos em entrevista exclusiva

Em entrevista ao Blog do Andros, o engenheiro e Assessor Especial de gabinete da atual gestão, falou entre outros assuntos, das diferenças entre as administrações passadas e a do prefeito Anderson Ferreira, da extinção do programa “Comunidade que faz”, sobre a saída do cargo de vice no início da campanha de 2016, das principais dificuldades que a prefeitura enfrenta para resolver as situações críticas e perigosas, como alagamentos, e da atuação dos vereadores, que “às vezes querem se apossar das atribuições do Executivo”

17/07/19 às 14:44 –  Por Sidha Moitinho / Colunista Blog do Andros

jose-sidha

A colunista Sidha Moitinho ao lado de seu entrevistado, o engenheiro José Carlos Campos.  Foto: Andros Silva

José Carlos Campos, é uma personalidade amabilíssima, dono de um carisma natural, não precisa fingir que é gente boa, ele é gente boa de verdade! Nasceu  numa família de 4 irmãos, o primeiro irmão é economista, ele é engenheiro civil, uma irmã médica, e a outra arquiteta. Seu pai foi funcionário público federal e a mãe abandonou a área de vendas para cuidar dos filhos. Zé Carlos como gosta de ser chamado, abre um sorriso de satisfação dizendo:  “Na minha casa todos tinham que estudar.” Também lembrou com saudade suas brincadeiras na praia de Piedade pegando tartaruga e a mãe zelosa dizendo: “Olha se morder só solta quando o sino tocar!” Zé deixou claro, seu amor pela cidade, o desejo de fazer mais pela população.

Animado expôs que a política para ele e os irmãos é uma coisa bem interessante, que foi surgindo no dia a dia, os puxando devagarinho. “Eu comecei a trabalhar na Queiroz Galvão que executava centenas de obras aqui na cidade de Jaboatão. O prefeito me convidou para ser diretor de obras aos 25 anos. Eu continuei na prefeitura por 37 anos e agora me aposentei como funcionário, mas estou no gabinete do prefeito Anderson Ferreira como Assessor Especial de gabinete.” Campos também lembrou dos tempos da faculdade e do seu amor pela pátria.

Em 1982, período do regime militar, se juntou com um grupo de amigos para lutar pela anistia e pelas eleições diretas. Em 1985, João Braga coordenador da campanha de Jarbas Vasconcelos para a prefeitura do Recife, o convidou com seus amigos para trabalharem na equipe que ajudou Jarbas a ser eleito. Mas Zé Carlos preferiu permanecer trabalhando na Prefeitura de Jaboatão. Com uma risada elegante, ele acrescenta: “Em 1988 com a fundação do PSDB,  João Braga e Cristina Tavares me surpreenderam – Ao chegar do trabalho os encontrei em minha casa com o livro de fundação do Partido, me confiando a função de presidente do Partido em Jaboatão… Quando a gente menos esperou se viu dentro da Política”, relembra. Continuar lendo

Cidades Inteligentes: A governança urbana fazendo a diferença

17/07/19 às 11:51 – Por Djalma Júnior / Colunista Blog do Andros

smart

Imagem: Blog Capsaína

Nas cidades inteligentes, o cidadão e os serviços essenciais estão conectados, há o uso da energia renovável, reaproveitamento da água, gerenciamento dos resíduos, compartilhamento de produtos, serviços e espaços e uma grande facilidade na forma como os cidadãos(ãs) usufruem de serviços públicos. Além disso, a cidade inteligente cria laços culturais que une seus habitantes, oportunizando o desenvolvimento econômico e melhoria da qualidade de vida. Continuar lendo

Funase inscreve mais de 900 socioeducandos no Exame Supletivo 2019

Prova será realizada em 7 de outubro em todas as unidades de internação e semiliberdade do Estado

17/07/19 às 11:42 – Da assessoria para o Blog do Andros 

aplicacao

Imagem: Divulgação/Funase

Em Pernambuco, 904 adolescentes e jovens da Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase) foram inscritos no Exame Supletivo 2019, da Secretaria de Educação e Esportes (SEE). O número é 49,4% maior que o registrado no ano passado, quando 605 socioeducandos estiveram entre os alunos avaliados. As provas para pessoas com privação ou restrição de liberdade têm aplicação prevista para 7 de outubro. Os jovens que estiverem em regime de internação farão o exame em salas de aula dos 11 Centros de Atendimento Socioeducativo (Case) existentes no Estado, e os demais, nas oito Casas de Semiliberdade (Casem). Continuar lendo

Casas Populares da BR 232 lança seu 1º álbum na Terça Negra e no Festival do Coco de Umbigada

Shows gratuitos acontecem nos dias 23 e 25 de julho. Intitulado “Negraíndia”, disco celebra 15 anos de trajetória do grupo. Gravação do CD e apresentações de itinerância nacional têm incentivo do Funcultura

17/07/19 às 11:33 – Por Feed Comunicação/Blog do Andros 

casas

Vládia Lima/Divulgação

Após 15 anos de trajetória, a banda Casas Populares da BR 232 lança seu primeiro álbum. Nos próximos dias 23 (terça), 22h, e 25 (quinta) de julho, 21h, o grupo faz os primeiros shows de “Negraíndia”, na Terça Negra (Pátio de São Pedro, Recife) e no Festival do Coco de Umbigada (Olinda). As entradas dos eventos são gratuitas. Sob a direção da produtora, cantora e compositora Isaar, o trabalho traz uma mensagem de solidariedade e amor, com canções de protesto e liberdade, passeando pelas tradições musicais do Nordeste e Norte do Brasil, pensando ainda nas expressões musicais de Matriz Africana e indígena da América Latina. “Negraíndia” já está disponível para audição nas principais plataformas digitais. Com Incentivo do Fundo Pernambucano de Incentivo à Cultura (Funcultura PE), além destes shows, a banda vai circular por João Pessoa/PB, Brasília/DF e São Paulo/SP. Continuar lendo