Festival celebra o gênero ao trazer os MCs que se tornaram fenômenos com hits como “Toma Empurradão” e “Gera Bactéria”

19/02/19 às 13:52 – Da assessoria do Rec Beat Festival

banner-carnaval-blogdoandros-ligado

she
Shevchenko e Elloco. Foto: Divulgação

Shevchenko e Elloco, a dupla que é o maior fenômeno na música em Pernambuco atualmente, é uma das atrações do Rec-Beat 2019 e leva para o palco do Cais da Alfândega seus hits do brega funk. A apresentação ainda conta com participação do grupo de dança do duo, Os Lokos do Passinho. O festival acontece no Carnaval, de 2 a 5 de março e a entrada é gratuita.

Shevchenko e Ellloco são os principais expoentes do gênero e fizeram sucesso com faixas disponibilizadas no YouTube como “Tome Empurradão”, “Braba de Milionário” e “Gera Bactéria”, hits que já contabilizam dezenas de milhões de visualizações. Eles também planejam a estreia de músicas que estarão presentes no novo disco.

O brega-funk é hoje um dos maiores sucessos musicais do país e uma das mais legítimas expressões das periferias. Além de um fenômeno cultural, o brega é patrimônio musical de Pernambuco segundo definiu a lei 16.044, de 2017, destacando a sonoridade original do ritmo nascido no Estado.

O Rec-Beat sempre foi pioneiro ao dar visibilidade às mais diversas expressões musicais, sem preconceito de gênero ou origem e com o brega funk não tem sido diferente. O festival foi o primeiro a abrir espaço para este ritmo, ao programar, no ano passado, o MC Tocha. Dono de hits como “Paralisou”, Tocha fez um show histórico que misturou brega com ritmos da cultura popular, além de fazer todo mundo dançar com seus hits românticos.

Neste ano, o público vai cantar e dançar junto com os hits de Shevchenko e Elloco com direito aos passinhos sarrada, ombrinho, laço e puxada. “Esse passinho é novo e nasceu na favela / Nós manda embrazado, lá dentro do brega”, já diz a letra de “Gera Bactéria”, faixa que é um dos hits virais de 2018.