No disco, ele passeia por gêneros como o samba de gafieira, bolero, baladas e afro-jazz

07/11/18 às 17:54 – Da assessoria para o Blog do Andros

pensativo
Roberto Rutigliano. Foto: Divulgação

O baterista, arranjador e compositor, Roberto Rutigliano, depois de ter tocado com os principais músicos do Brasil e da Argentina, acaba de gravar, nos estudos da Warner Champell – Brasil – seu primeiro disco autoral. Rutigliano lança o álbum ”Sotaques”.

capan
Capa/Divulgação

No disco, ele passeia por gêneros como o samba de gafieira, bolero, baladas e afro-jazz. No repertório, cinco canções inéditas de Rutigliano e novas leituras de Vento Bravo,  Edu Lobo, Derradeira Primavera, Tom Jobim, Jardbird Suite, Charlie Parker e Loniens Lament, além de John Coltrane.

Cezar Delano, engenheiro de som do estudo, afirma que a gravação foi feita praticamente ao vivo, o que revela a espontaneidade dos músicos; “isso confere ao ouvinte uma sensação de ar fresco”, comentou.

O disco “Sotaques” conta com um quinteto de estrelas da música brasileira: Sergio Barrozo, no contrabaixo, Marcelo Magalhães Pinto, no piano, José Arimatea, no trompete e o próprio Rutigliano, na bateria e na direção musical.

e
No repertório, cinco canções inéditas levam a assinatura de Rutigliano. Foto: Divulgação

O projeto gráfico é do Henrique Guedes e a imagem da capa é de um artista japonês do século XVIII Katsushika Hokusai.

Contato: rutigliano.roberto@gmail.com